Cientistas descobrem planeta fora do Sistema Solar

O HD156668b é quatro vezes maior que a Terra

O telescópio Kepler, lançado em 2009, é uma das apostas dos cientistas para encontrar planetas fora do Sistema Solar parecidos com a Terra (FOTO: NASA)

Astrônomos americanos detectaram o segundo menor planeta fora do Sistema Solar (exoplaneta) conhecido até o momento, com uma massa de quatro vezes maior que a da Terra.

O astrônomo Andrew Howard, da Universidade da Califórnia em Berkeley, Estados Unidos, anunciou a descoberta nesta quinta-feira (7) durante o último dia da 215ª conferência da Sociedade Americana de Astronomia.

- Esta é uma descoberta notável porque mostra que encontramos planetas fora de nosso Sistema Solar cada vez menores.

O planeta batizado de HD156668b, fica em um sistema estelar a 80 anos-luz (distância percorrida pela luz em um ano no vácuo) da Terra, na constelação de Hércules. Sua gravitação ao redor da Terra acontece a cada quatro dias.

O exoplaneta mais conhecido até hoje, chamado Gliese 581, tem duas vezes a massa terrestre. Foi detectado em abril de 2009 por um astrônomo suíço e está a 20,5 anos-luz da Terra, mas fica em órbita muito perto de seu astro, ou seja, fora da zona habitável, com temperatura elevada.

No início da semana, a equipe científica do novo telescópio espacial americano Kepler, lançado em março de 2009 em busca de exoplanetas similares à Terra, anunciou na conferência a descoberta de cinco novos exoplanetas, todos de grandes dimensões e muito quentes, com temperaturas de 1.200º C a 1.648º C.

Mas a comunidade astronômica manifestou confiança de que com o novo telescópio, e com o já lançado Corot, sejam descobertos outros planetas fora do Sistema Solar que tenham o tamanho da Terra.


FONTE: R7 Notícias

5 Comentários:

junior (ferananet) disse:

Interessante, quem sabe não acabam encontrando algum parecido com nosso planeta.
abraços.

Principe Encantado disse:

Gosto muito deste assunto,as descobertas sempre nos traz novos pensamentos e imaginações.
Abraços forte

jefhcardoso disse:

Olá! Com licença; sou Jeferson, um homem comum que gosta de escrever. Quando tenho um tempo saio em visitas a blogs, seguindo sempre a seta que aparece no auto da pagina inicial (próximo blog>>). Posso afirmar que é uma experiência “deliciante”.
Quando encontro um blog bem legal como o seu eu posto um comentário e deixo o convite para que conheçam o http://jefhcardoso.blogspot.com . Pela proposta de seu blog creio que poderá encontrar algo em minha sessão em preto e branco, que data de novembro ou mesmo nas mais atuais.

Parabéns por seu blog e desculpe a intromissão.
Abraço: Jefhcardoso>>de blog em blog.

Leila Franca disse:

Descobrem tanta coisa no espaço, menos um ser vivo... acho isso tão increditável! Não é possível que nesse espaço tão gigantesco só tenha gente aqui na terra. Mais um planetão e gente nenhuma...

jefhcardoso disse:

Encontrei seu blog durante as visitas que faço a fim de conhecer outros blogs. Quero lhe agradecer por ter-se afigurado como seguidor de meu blog. Quero também dizer que este trabalho seu - este de compartilhar conhecimento - é algo excelente.

Quanto ao texto é delicioso. Enquanto se lê é impossível não deixar-se levar pelos sonhos futurísticos: vida em outros planetas, outras “terras” em outras Galáxias...

Abraço: Jefhcardoso

COMENTE, SIGA, ASSINE O FEED, SEJA INTERESSADO!